terça-feira, 16 de maio de 2017

#13º DICA DE LEITURA

Autora: Laurentino Gomes
Editora: Globo Livros
Páginas: 368
Minha nota: 4/5 (Muito Bom)


Sinopse: Nunca algo semelhante havia acontecido na história de Portugal ou de qualquer outro país europeu. Em tempos de guerra, reis e rainhas haviam sido destronados ou obrigados a se refugiar em territórios alheios, mas nenhum deles foi tão longe quanto o príncepe regente Dom João, forçado a cruzar um oceano com toda a família real portuguesa para viver e reinar do outro lado do mundo, enquantoas tropas do imperador francês Napolião Bonaparte marchavam sobre Lisboa. Milhares de pessoas o acompanharam na viagem. Foram cem dias entre céu e o mar, em navios improvisados,abarrotados, infestados de pragas e piolhos, sem conforto algum. Ao chegar ao Brasil, Dom João determinou, entre outras medidas, a aberturas dos portos, fundou escolas, mandou construir estradas e fábricas, autorizou a publicação de livros e jornais, incentiVou a ciências e as artes. Ao retornar para Portugal, em 1821, deixava para trás um país transformado e pronto para a Independência.

O que eu gostei nesse livro:

  • O autor contou com propriedade uma parte importante da história do Brasil.
  • A leitura é facíl e envolvente.
  • Conheci um pouco da história do Rio de Janeiro, minha cidade.
  • A corrupção infelizmente está presente desde a fundação do Brasil.
  • O autor dedicou alguns capitulos para contar a estória de Dom João, Carlota Joaquina e a escavidão.
  • D. João foi uma das poucas pessoas que consegui enganar Napoleão.
  • Me instigou a estudar história.



2 comentários:

Curta nossa fanpage!